Segunda-feira, 11 de Maio, 2009

Há palavras que nos tocam cá no fundo, que nos fazem recordar bons e maus momentos, hoje aconteceu isto comigo. Dei por acaso com um blog de um amigo que já não vejo a muito tempo e as palavras dele fizeram-me chorar.  Mesmo sem autorização do meu amigo Carlos vou transcrever aqui as palavras dele que podem ser lidas em http://projectokarahnjukar.blog.com

 

que bom saber que os amigos estão bem !!!

ola a todos !!

é giro que este blogue já esteve para ser fechado umas poucas de vezes e aparecem sempre vozes para não o fechar pois é um ponto onde se pode vir matar saudades !!

e com ele vamos sabendo onde andam os amigos que fizemos por esse mundo fora e que continuam espalhados pelo mundo!

Eu na Suiça, outros na Argelia, Mauritania, Republica Dominicana, Espanha, Romenia, Nigeria, China, Alemanha. etc. etc..

saudades......... muitas saudades....... da Adit 1 de Fevereiro de 2007 a Junho do mesmo ano onde andas Hoddi,  Matei, Jorge, Cesar Passinhas, Peter, Pinto, Mirça e suas irmãs, Matteo, LI Meng, os meus pequenos chineses que muitas saudades devem ter minhas tambem ( era eu que pedia a roupa para eles :D )

Egilsstadir, Akurery, Myvatn, etc etc.... são pequenas cidades que conheço são lindissimas e estarão sempre no meu coração!
que pena ao ver noticias que a economia Islandêsa esta na ruina, que pais lindo esse !!!!

quero voltar um dia, vou voltar um dia com toda a certeza, mas desta vez como turista !!

um abraço a todos

 

Para ti Carlos e para todos aqueles que trabalharam connosco um grande abraço e até um dia ....

 

 

sinto-me: Saudades
música: Há palavras que nos beijam
publicado por Passinhas às 13:30

Quarta-feira, 25 de Fevereiro, 2009

Estes últimos dias custam a passar, estou nervoso, ansioso por chegar...

Não paro de pensar em ti, tenho saudades.... muitas saudades.

Este regresso faz-me lembrar a primeira vez que estive seis meses  longe de ti, sinto o mesmo... Cada dia que passa as minhas certezas aumentam... tenho a certeza que te amo, tenho a certeza que não posso viver sem ti.

 

 

sinto-me: Apaixonado
tags: ,
publicado por Passinhas às 13:34

Quarta-feira, 03 de Dezembro, 2008

Mais um dia, cansativo como normalmente, hoje fiz 500km pelas estradas argelinas onde o perigo espreita a cada metro.

 

500 km sozinho, dá para pensar muita coisa. Pensei muito em ti, pensei em nós, pensei na nossa vida.

 

Quero muito voltar para casa, refazer a nossa vida... ser feliz contigo, com os nossos filhos.

 

Faltam 12 dias para chegar... o tempo custa a passar.....

 

Tenho saudades.......

sinto-me: cansado ...
publicado por Passinhas às 16:39

Domingo, 30 de Novembro, 2008

Hoje estou como o tempo.... Chove muito e está muito frio

Tenho saudades de casa... saudades de ti

 

 

sinto-me: Com saudades de ti ...
tags: ,
publicado por Passinhas às 16:38

Terça-feira, 11 de Novembro, 2008

Há palavras que nos beijam
Como se tivessem boca.
Palavras de amor, de esperança,
De imenso amor, de esperança louca.

Palavras nuas que beijas
Quando a noite perde o rosto;
Palavras que se recusam
Aos muros do teu desgosto.

De repente coloridas
Entre palavras sem cor,
Esperadas inesperadas
Como a poesia ou o amor.

O nome de quem se ama
Letra a letra revelado
No mármore distraído
No papel abandonado

Palavras que nos transportam
Aonde a noite é mais forte,
Ao silêncio dos amantes
Abraçados contra a morte.

sinto-me: Doente
música: Há palavras que nos beijam
publicado por Passinhas às 13:16

Segunda-feira, 10 de Novembro, 2008

Posso te falar dos sonhos
Das flores
De como a cidade mudou
Posso te falar do medo
Do meu desejo, do meu amor...

Posso falar da tarde que cai
E aos poucos deixa ver
No céu a Lua
Que um dia eu te dei...

Gosto de fechar os olhos
Fugir no tempo
De me perder
Posso até perder a hora
Mas sei
Que já passou das seis...

Sei que não há no mundo
Quem possa te dizer
Que não é tua
A Lua que eu te dei...

Pra brilhar
Por onde você for
Me queira bem
Durma bem
Meu Amor...

Eu posso falar
Da tarde que cai
E aos poucos deixa ver
No céu a Lua
Que um dia eu te dei...

Pra brilhar
Por onde você for
Me queira bem
Durma bem
Meu amor...

Durma bem
Me queira bem
Meu Amor...

A Lua que eu te dei!

 

Composição: Herbert Vianna

 

 

sinto-me: Saudades de casa..
música: A Lua que eu te dei!
publicado por Passinhas às 13:30

Quinta-feira, 04 de Setembro, 2008

A dias assim ….

 

Não dormi a pensar em ti, mais uma vez, já perdi a conta das noites sem dormir, a tua ausência está a matar-me lentamente, uma morte lenta e dolorosa, não consigo encarar a realidade. Não consigo entender como fugiste de mim, como escapaste entre os meus dedos, tenho culpa ... muita culpa, não te dei o que merecias e agora estou a sofrer as consequências.

Não consigo perceber.. apetece-me  fugir para longe, desaparecer, morrer, fazer qualquer coisa só para não pensar em ti... Não consigo viver assim,  ainda me lembro das palavras que escreveste em Março ....

- “Eu também te amo muito.
Sinto muito a tua falta, mas quero que saibas que estarei sempre a tua espera.
Um dia ainda vamos poder estar juntos e viver felizes.”

 

Quando vai ser esse dia? O que se passou nos últimos 3 meses? Isso não consigo entender, sempre fizemos os nossos planos em conjunto, sempre tomamos as nossas decisões em conjunto, um amor não morre assim de um dia para o outro e mais uma vez lembro as tuas palavras :

 

Um certo dia, conheci-te!! Jurei a mim mesma, em surdina, que nem pintado de ouro me levarias ao altar! Mas levaste, apenas 11 meses depois.

Aí começou uma nova Era. Comecei a ser estimada, mimada, amada, embora ás vezes não seja compreendida. Mas como  diz o Jorge Palma, " sei que não sei ás vezes entender o teu olhar..." mas queres-me bem!! Eu sei! Também eu ás vezes não te sei entender, mas quero que sejas feliz. Não sabemos viver um sem o outro. Não temos vida social nem amigos, porque o pouco tempo que passamos juntos é sempre pouco! Queremos sempre mais! Não nos queremos dividir nem dar a mais ninguém. Deixamos muitas vezes de fazer o que gostamos apenas porque o outro não gosta. Apenas porque somos um só. Um ser uno, indivisivel.

Mas como é isso possível a tamanha distancia? Só encontro uma resposta:

Com AMOR, muito, muito AMOR!”

 

Para onde foi esse amor.... é isso que me está a matar... a matar lentamente..

 

 

Preciso de ti....

 

sinto-me: com vontade de morrer...
publicado por Passinhas às 11:08

Quarta-feira, 03 de Setembro, 2008

Eu queria não sentir essa saudade
Que me faz perder o sono e querer mais, mais, mais
Eu queria segurança e liberdade
Mas agora só contigo eu fico em paz, paz, paz...
É a mente que anuncia quando o coração nos trai
Abre as asas, alça vôo, voa, vai, vai, vai...
Minha alma se liberta cada vez que eu penso em ti
Vai no fundo da saudade e me traz, traz, traz
esses olhos que eu não esqueço nunca mais

Penso em ti
Se eu for lembrar de mim eu vou pensar em ti
Penso em ti
a cada pôr do sol que eu vivo sem poder te ver
Penso em ti
é só deitar na cama e a chama clama-te
Penso em ti
até querendo te esquecer

Eu queria não sentir essa saudade
Que me faz perder o sono e te querer mais,mais,mais
Eu queria segurança e liberdade
Mas agora só contigo eu fico em paz, paz,paz
É a mente q anuncia quando o coração nos trai
Abre as asas,alça vôo, voa, vai, vai, vai
Minha alma se liberta cada vez que eu penso em ti
Vai no fundo da saudade e me traz, traz, traz
esses olhos que eu não esqueço nunca mais

Penso em ti
no dia a dia, no meio da rua eu penso em ti
Penso em ti
na correria de Copacabana, mesmo ali
Penso em ti
passando pela tua esquina eu penso em ti
Penso em ti
andando pela praia as ondas vão bater em mim

Penso em ti
é só pegar o violão e eu penso em ti
Penso em ti
e quando você dorme
Penso em ti
Se eu for lembrar de mim eu vou pensar em ti
Penso em ti
a cada pôr do sol que eu vivo sem poder te ver

 

(Jorge Vercilo)

sinto-me: Penso em ti
música: Penso em ti
publicado por Passinhas às 11:30

Terça-feira, 02 de Setembro, 2008

Sonho, a gente só se dá conta dele depois que acorda,
depois que ele acabou...
E fica aquela vontade na gente de sonhar mais um pouquinho.
Existem pessoas que são um sonho.
Um sonho pelo qual a gente dormiria a vida inteira.
Mas o destino vem e nos acorda violentamente...
E nos leva aquele sonho tão bom...

Existem pessoas que são estrelas.
Doces, luzes que enfeitam e iluminam as noites escuras de nossas vidas.
Mas vem o amanhecer e nos rouba com toda a sua claridade aquela estrela tão linda.

Existem pessoas que são flores.
Belezas discretas que alegram o nosso caminho.
Mas com o tempo, as flores murcham,
e nos enchem de saudade de sua cor e de seu perfume.

Existem, finalmente, as pessoas que são simplesmente amor.
Um amor doce como o mel de uma flor...
que desabrochou numa estrela e que veio até nós num lindo sonho!
E ainda bem que são amor, porque flores, estrelas ou sonhos, mais cedo ou mais tarde, terminam... mas o amor...

"O AMOR NÃO TERMINA NUNCA..."

sinto-me: Com saudades de ti ...
publicado por Passinhas às 11:28

Já estamos no segundo dia de Ramadão, hoje já vim prevenido, garrafas de agua gelada no carro, umas sandes e algumas bolachinhas pois nunca se sabe quando a fome vai apertar, pois ir comer fora está fora de questão, durante todo o mês de Setembro os cafés e restaurantes estão fechados durante o dia.

A noite é a loucura total, depois das 19.30 os Argelinos andam como loucos a fazer  tudo o que não fizeram durante o dia, o comercio está aberto até tarde e até as mulheres tem autorização para sair a noite..

É uma cultura e uma  religião completamente diferente do que estamos habituados em Portugal. E nós que estamos aqui temos que os compreender e respeitar.

sinto-me: com saudades de casa
publicado por Passinhas às 10:31

mais sobre mim
Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

21
22
23
24
25

27
28
29
30
31


pesquisar
 

blogs SAPO


Universidade de Aveiro